Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



“Gostei muito da tua postura”

por Maria Joana Almeida, em 05.01.18

 

hapiness.jpg

 

 

Encerradas as festividades é altura de retorno à rotina ou a diferentes rotinas.

 

Numa das idas à escola, onde lecciono, neste novo ano, uma professora que conheci recentemente numa reunião veio desejar um bom ano e verbalizou, apontando para mim: “Gostei de ti, gostei muito da tua postura na reunião, estiveste muito bem. Às vezes os outros professores esquecem-se do que é a Educação Especial.”

 

É sempre simpático receber um elogio, mas a parte que quero salientar e, para mim a mais importante, é a frase: “Às vezes os outros professores esquecem-se do que é a Educação Especial.”

 

Há 13 anos que vou a reuniões de conselhos de turma e, naturalmente, vamos evoluindo e percebendo dinâmicas, ganhando autoconfiança e ajustando o discurso e postura aos diferentes momentos. Já conseguimos antecipar comportamentos, atitudes e o nosso discurso fica mais fluído e assertivo.

 

Assertividade é um aspeto fundamental, ao mesmo tempo que necessário por diversos motivos. É verdade que a Educação Especial encontra um espaço reduzido em muitas escolas o que se reflete em algumas reuniões de conselho de turma. Ainda existem alguma incogruências na definição do papel do professor de Educação Especial e na legislação que, por enquanto, continua em vigor e que é pública,  bem como temas e procedimentos que se misturam e que cabe também ao professor de Educação Especial ajudar a clarificar.

 

Existem professores fantásticos, genuinamente interessados no sucesso dos alunos que partilham e ouvem todos os intervenientes e onde encontramos no seu discurso soluções, atitudes construtivistas e honestidade intelectual para identificar pontos fortes e fragilidades como base para traçar um plano de sucesso.

Professores que não ficam presos num modus operandi e gostam de arriscar. Professores das várias áreas com uma sensibilidade que lhes permite bom senso e sensatez no seu funcionamento e que valorizam e compreendem o trabalho de todas as áreas. São aqueles professores que estão atentos e colocam questões relevantes no sentido de ajudar e aumentar as potencialidades dos alunos. Especialmente dos alunos que manifestam algum comprometimento e querem, por isso, trabalhar em conjunto com a Educação Especial olhando para esta área como uma mais valia e um instrumento valioso para continuar a construir ao invés de colocar entraves. Tenho tido a sorte de conhecer muitos professores assim ao longo do meu percurso e com os quais muito aprendi.

 

Quando gostam da minha postura o que me interessa essencialmente é que eu tenha conseguido passar uma mensagem, da melhor maneira possível, e esclarecer todas as dúvidas que me são possíveis de esclarecer levando todos a querer participar ativamente neste trabalho que não é, em nenhum momento, um trabalho isolado. E isso sim faz-me feliz.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:32



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D